Causos dos caboclos nos Festivais de Inverno de Minas Gerais

Causos dos caboclos serão apresentados nos Festivais de Inverno de Minas Gerais

Os mais importantes eventos do calendário cultural brasileiro – os Festivais de Inverno de Minas Gerais – vão conhecer as expressões da cultura popular/oral cabocla do Sul do Brasil. A Cia ContaCausos apresenta, em julho, os espetáculos Visagem e Foi Coisa de Saci.

O primeiro encontro acontece em Ouro Preto, no dia 21 de julho, onde será apresentado o Visagem. A peça é resultado de um extenso trabalho de pesquisa, escuta e registro de narrativas orais sobre medo, visagens, seres mitológicos e aparições em comunidades tradicionais caboclas do interior de Santa Catarina. As experiências, causos, relatos, crenças, modos de vida e linguagem compilados através entrevistas, ganham vozes e imagens no espetáculo, que de maneira poética, proporciona experiências significativas de encontro da plateia com seus próprios medos.

Visagem. Foto: Louis Radavelli

Espetáculo Visagem. Foto: Louis Radavelli

Neste ano, o Festival de Inverno de Ouro Preto homenageia o Tropicalismo, movimento de inovação estética e musical que sacudiu o ambiente da cultura popular brasileira, entre 1967 e 1968. Os tropicalistas deram um histórico passo à frente na lógica da produção brasileira. O cenário musical pós-bossa nova e a definição de “qualidade musical” no país estavam cada vez mais dominados pelas posições tradicionais ou nacionalistas. Contra essas tendências, o grupo baiano e seus colaboradores procuraram universalizar a linguagem da MPB, incorporando elementos da cultura jovem mundial, como o rock, a psicodelia e a guitarra elétrica.

Em seguida, a Cia ContaCausos arruma as malas e viaja para São João Del Rei, onde compartilha, no dia 25 de julho, o espetáculo Foi Coisa de Saci. A peça faz um passeio pelos causos da gente brasileira que jura que viu, ouviu e até já prendeu o danadinho na garrafa. Acontece que ele é filho do mistério, filho do vento gira e assobia, filho das sombras que formam figuras lá no fundo da floresta, filho do medo e da assombração. Numa casa de caboclo, quando alguma coisa estranha acontece, as pessoas dizem que Foi Coisa de Saci.

Espetáculo Foi Coisa de Saci. Foto: Pedro N. Prata

Espetáculo Foi Coisa de Saci. Foto: Pedro N. Prata

O Inverno Cultural, promovido pela Universidade Federal de São João Del Rei, existe há 30 anos com a intenção de promover a formação cidadã pelas artes, democratização do acesso à cultura, a convivência com a comunidade e valorização da cena artística.

 

PROGRAMAÇÃO
Ouro Preto
Espetáculo: Visagem
Dia: 21 de julho, às 19h
Local: Casa de Gonzaga / Secretaria de Turismo

São João Del Rei
Espetáculo Foi Coisa de Saci
Dia: 25 de julho, às 16h
Local: Centro Cultural UFSJ

Deixe um Comentário