Caça ao Saci resulta em três capturas!!!

Quem é que não lembra dos avós, pais ou vizinhos contadores de histórias? Ou das rodas noturnas, onde todos sentavam-se ao lado do orador, atentos aos nostálgicos causos de criaturas fabulosas e eventos que desafiavam a realidade? Pensando nisso, a Cia ContaCausos e o Sesc Chapecó realizaram três atividades especiais para ouvidores ávidos em fevereiro.

Há sete anos a ContaCausos desenvolve pesquisa de narrativas orais, mapeando contos, em especial da região Oeste de Santa Catarina. Resultado dessas pesquisas, os espetáculos contribuem com a permanência do folclore regional e da cultura popular. “As narrativas tradicionais trazem uma grande carga do que somos, cada um ao seu tempo, do seu modo, com o seu sentir e entendimento. Então, se você se permite atravessar a ponte conduzido pelos contadores, pode encontrar maravilhas do outro lado, no encontro com você mesmo”, comenta Josiane, contadora há mais de 10 anos.

Contos para todos os gostos

O “Café com Histórias” iniciou a programação de atividades na quinta-feira (09), às 20h, na Biblioteca do Sesc em Chapecó. Na sua quarta edição, o evento promoveu a contação de causos, convidando crianças, jovens e adultos a imergir na atmosfera lírica que as histórias proporcionam.

No sábado (11), foi a vez das histórias macabras. O espetáculo “Visagem” surgiu a partir de estudos e entrevistas que Josiane realizou com moradores do interior de cidades da região, evidenciando, sobretudo, a oralidade cabocla. A apresentação compila crenças e relatos de histórias sobrenaturais, percorrendo o real e o imaginário dos acontecimentos.

Para fechar a semana, domingo (12) teve redemoinhos e tranças em crina de cavalo. O espetáculo “Foi Coisa de Saci”, realizado ao ar livre, no Complexo do Verdão, percorre contos da oralidade brasileira sobre o menino de uma perna só e capuz vermelho. Preso numa garrafa e com a proteção de algumas peneiras, Josiane apresentou o danado ao público, lembrando as molecagens que ele prega no cotidiano. Depois da apresentação, crianças passaram a caçar Sacis entre as árvores do Complexo e o resultado não poderia ser outro: 3 danadinhos apanhados. Há quem ainda duvide da existência deles…

Deixe um Comentário